A Capital do Império

 15.90

Dentro de Stock

Sobre o livro
Guerra colonial. Soldados à deriva, pobreza e prostituição em Lisboa. No norte de Moçambique, em Metangula, Lago Niassa, dois homens feridos escrevem um livro de memória e violência da cidade capital do império a desfazer-se, onde mergulharam enquanto jovens inex-perientes, antes de irem à guerra. Um está desesperado e quer fugir. Outro escreve e acompanha-o, à procura de paz e de saída para nova vida. Este, em síntese, o enredo do novo romance de Modesto Navarro onde ele reafirma todas as virtualidades de escritor que estão patentes na sua vasta e diversificada obra literária.
 

 

Sobre o autor
Modesto Navarro nasceu em Vila Flor, Trás-os-Montes, em 1942. O seu primeiro livro, Libelo Acusatório, foi publicado em 1968. Em 1972 publicou um impressivo livro de contos sobre a guerra colonial, História do soldado que não foi condecorado, que foi apreendido pelo regime fascista. O tema merece‑lhe outros livros como Ir à Guerra, A Oitava Colina e A Capital do Império. Foi um dos fundadores da Associação Portuguesa de Escritores. Autarca eleito desde 1976, em Vila Flor, e desde 1985 em Lisboa. Recebeu a Medalha Municipal de Mérito, Grau Ouro da Cidade de Lisboa, em 2002. Foi presidente da Assembleia Munici-pal desta cidade de 2003 a 2005. Para além da sua acção associativa, cultural e política, Modesto Navarro é um dos escritores mais fecundos da sua geração. Autor de 41 livros, dividem-se estes pelos mais variados temas, nomeadamente romances, contos, poesia e levantamentos sobre emigração, cultura popular e situações no interior do país (Trás-os-Montes, Beira Alta e Alentejo).

SKU: 978-989-750-066-4 Categorias: ,

Um retrato insólito da Lisboa pobre, violenta e animosa que precedeu o final do regime do Estado Novo.

Press Release

Press – A Capital do Império

Somente clientes que compraram este produto podem deixar um comentário.

Classificações

Não há classificações ainda.

Não tem produtos.

Shop By Department